terça-feira, 8 de abril de 2008

Reportagem publicada no Site do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome em 07/04/2008

A quintessência da Esplanada

por Eduardo Antonio Lobo Filho - 07/04/2008 11:23


Renato Bahia Bock tem cara de poeta e fala como um. O toque do telefone dele também parece de poeta. Apesar do status e da alma de artista dos versos, no MDS Renato é colaborador da SENARC e partiu dele a iniciativa de criar um grupo que troca poesias às quintas-feiras. Assim tiveram início as atividades do Quinta Poesia, um grupo em constante crescimento, que hoje conta com 36 pessoas, todas trocando belas palavras dos mais diversos autores e estilos, para quebrar a formalidade do dia-a-dia.

Renato coordena o grupo Quinta Poesia, que conta com 36 particiapantesQuando vivia em São Paulo, um funcionário da empresa em que Renato trabalhava começou a mandar poesias via e-mail para o pessoal do setor. Renato veio para Brasília como funcionário da mesma empresa e o único contato que tinha com os colegas paulistanos eram as poesias que trocavam uma vez por semana. Depois que veio para o MDS, ele passou a conversar sobre a frieza e formalidade da Esplanada dos Ministérios com o amigo Silvio Garcia, da Secretaria-executiva. Silvio falava em um “movimento por uma Esplanada mais humanizada, que suavizasse o árido dia-a-dia dos “esplanados” que aqui trabalham, nem que fosse somente por alguns momentos”. Renato falou então da falta que a troca de poesias fazia e de como isso colaboraria para o pretenso movimento.Pelo visto, a fórmula paulistana deu certo na versão brasiliense. Renato explica que o grupo não tem regras rígidas, e que só participa ativamente quem quer. “Quando entram no grupo, as pessoas me perguntam se cada um tem que mandar poesias sempre, se tem regras... Eu respondo que não; é um grupo livre para pensar, para fazer. Ninguém é obrigado a nada.”Ana Amélia da Silva é colaboradora da SENARC e participa do grupo desde que os poemas começaram a ser trocados, em agosto do ano passado. “Sempre que estou inspirada, mando alguma coisa. Adoro poesia e é bom compartilhar isso com os outros, além de poder conhecer outras obras novas”. Ana conta que autores como Drummond e Neruda são presença constante no grupo, mas há também aqueles que mandam obras de autoria própria. Todas as quintas-feiras, Renato dá o ponta-pé inicial e envia uma poesia para o grupo. A partir daí, os membros vão lendo e respondem com outros poemas de sua preferência nos dias seguintes. Tem gente que manda música, outros mandam textos, frases de efeito. Isso prova que, de fato, o grupo não obedece a regras. Quem quiser fazer parte do grupo Quinta Poesia, basta entrar em contato com Renato e esperar quinta-feira para ajudar, segundo ele, a diminuir a aridez da Esplanada.

O bem vence o mal,
Espanta o temporal.
O azul, o amarelo,
Tudo é muito belo!
*Gorpo

Poema enviado ao Quinta Poesia por Ana Amélia da Silva

Envie seus comentários pelo e-mail comunicacaoeletronica@mds.gov.br ou poste-os no fim da matéria e concorra a brindes.Rosiene Assunção – 3433-1064Coordenação de Comunicação Eletrônica - ASCOM/MDS

2 comentários: